Tem dúvidas de como deve organizar a alimentação em casa?
Este é um espaço virtual focado na qualidade alimentar que a família deve praticar em casa, nas compras, na creche, na escola, no trabalho.
Aqui encontrará excelentes conselhos de Nutrição e também de Segurança Alimentar a seguir pelo consumidor para si e sobretudo para as suas crianças!

terça-feira, 13 de novembro de 2007

Nutrição Infantil

Desde o nascimento até os 2 anos de idade -período que se caracteriza pelo rápido crescimento- o aumento de peso e altura são os principais índices do estado nutricional de uma pessoa. É recomendável que se amamente os recém nascidos durante os primeiros 4 - 6 meses de vida, sobretudo pelos beneficios nutricionais e imunológicos que o leite materno possui.

Desde o nascimento até aos 4 meses de idade, os récem nascidos não deverão receber alimentos sólidos. Até essa idade, não deverão ter desenvolvido os movimentos próprios da boca e língua, necessários para engolir eficazmente os alimentos sólidos. Além disso, o seu estômago não está ainda apto para digerir alimentos sólidos. Se o bébé precocemente começar a ingerir alimentos sólidos poderá desenvolver alergias alimentares a certos alimentos. Ao contrário do que pensamos, os alimentos sólidos não ajudam a que os bébés permaneçam mais tempo sem comer, nem a que durma melhor durante a noite, nem tão pouco melhore a nutrição das suas dietas.

Um dos principais transtornos da alimentação mais frequente durante a infância é anemia devido à deficiência de ferro. Esta anemia detecta-se através da analise do conteúdo de hemoglobina no sangue. No geral, os alimentos sólidos introduzem-se na dieta dos bébés entre os 4 e 6 meses de idade, que deve basear-se essencialmente em cereais fortificados com ferro, como o arroz, para ajudar a previnir este tipo de anemia. Outros alimentos, tais como purés de frutas e verduras e sumos de fruta, vão-se introduzindo de forma gradual na dieta. Quando alcaçam os 12 meses, a maioria dos bébés já está receptivo a comer pequenas quantidades de quase todos os alimentos. Além da idade, eis os principais sinais que nos indicam que o bébé está pronto a começar a introdução de alimentos sólidos:
  • O bébé pode manter a cabeça erguida quando está sentado;
  • Ocasionalmente, o bébé abre a boca quando algo se lhe aproxima;
  • O bébé mostra interesse nos alimentos que pessoas perto de si estão a comer;
  • O bébé é capaz de engolir a comida que tem na lingua.

Os bébés devem, sempre, estar sentados quando comem ou bebem, tendo sempre uma posição que lhes permite observar a pessoa que os alimenta. A hora da refeição deverá ser sempre uma oportunidade para interagir com a criança, disfrutando do convivio familiar. Por essa razão, a criança não deverá comer quando há factores externos de pressão ou de falta de tempo. Outro aspecto importante é que o apetite dos bébés é muito variável e eles próprios é que se encarregarão de informar, a quem os entender, que não desejam comer mais, quer fechando a boca face à colher na sua frente, quer devolvendo a comida da boca.

Nas crianças com idade inferior a 2 anos, a gordura nos alimentos tem um papel fundamental na formação dos tecidos vitais do sistema nervoso central.Por esta razão, os profissionais de saúde recomendam dar leite gordo em vez de leite magro ou meio gordo.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Comente este Blog.
A sua participação irá enriquecê-lo e promover novos conteúdos. Obrigada e...fique por perto!