Tem dúvidas de como deve organizar a alimentação em casa?
Este é um espaço virtual focado na qualidade alimentar que a família deve praticar em casa, nas compras, na creche, na escola, no trabalho.
Aqui encontrará excelentes conselhos de Nutrição e também de Segurança Alimentar a seguir pelo consumidor para si e sobretudo para as suas crianças!

sábado, 26 de abril de 2008

Como preparar correctamente uma infusão



À tempos falou-se muito sobre a ingestão de infusões para relaxar as crianças. Ideal para hidratar, repôr liquidos após estados febris (tomilho, erva principe), acalmar os momentos excitantes (camomila, tilia, cidreira) mas também para facilitar a digestão (alecrim, erva-principe), diminuir cólicas (funcho) ou minimizar anemias (salsa), as ervas aromáticas são preciosas ajudas desde que conheçamos as suas propriedades para o efeito que pretendemos.


Aliás, não só são indicadas para os mais pequenos mas também para a restante familia. É fundamental que as pessoas saibam que podem procurar, seguramente, estes substitutos naturais de medicamentos sintéticos com contra-indicações inerentes.


Para rentabilizar e tirar o máximo partido das infusões que prepara, deve ter alguns cuidados especiais:

1 – Nunca deixar a água ferver. Esperar apenas quando o fundo da chaleira começa a emitir umas bolinhas pequenas, sinal que a fervura está próxima;
2 – Desligar.
3 – Juntar as ervas e deixar repousar 10 minutos.
4 – Se sobrar chá, não guardar com as ervas. Coar! Se as ervas continuarem na infusão, vai haver libertação de taninos que conferem um sabor adstringente ao chá, o que é de evitar.

Dra. Solange Burri
Consultora em Alimentação

Leia também:


Sigam BabySol® nas Redes Sociais:



Email

Receba as actualizações do Portal BabySOL®:
Introduza o seu email:

2 comentários:

  1. Olá,

    Fiquei curiosa para perceber porque é que a água não deve ferver? E também porque é que as ervas não devem ferver com a água, coisa que tenho visto muitas pessoas fazerem e as pessoas mais velhas (avós, etc) recomendarem?

    Obrigada, e a propósito excelente trabalho e blog.

    ResponderEliminar
  2. Ola Ana
    As ervas aromaticas tem propriedades fitoquimicas muito interessantes e de elevado impacto fisiologico. Para se tirar o maior partidos destes componentes, e fundamental nao ferver as ervas aromaticas e dai tirar o seu melhor partido!
    Espero ter ajudado.
    bjs e fique por perto!

    Solange Burri

    ResponderEliminar

Comente este Blog.
A sua participação irá enriquecê-lo e promover novos conteúdos. Obrigada e...fique por perto!