Tem dúvidas de como deve organizar a alimentação em casa?
Este é um espaço virtual focado na qualidade alimentar que a família deve praticar em casa, nas compras, na creche, na escola, no trabalho.
Aqui encontrará excelentes conselhos de Nutrição e também de Segurança Alimentar a seguir pelo consumidor para si e sobretudo para as suas crianças!

sábado, 23 de maio de 2009

Notícias - Produtos biológicos com maior procura!



Portugueses consomem cada vez mais produtos biológicos
A área de cultivo de produtos biológicos em Portugal cresceu 9,4 % em 2008 e os portugueses consomem cada vez mais produtos sem químicos, valorizando a qualidade dos alimentos, segundo os dados do Serviço Internacional para a Aquisição de Biotecnologia Agrícola.
Em 2007, Portugal já estava entre os dez maiores produtores mundiais de alguns alimentos biológicos devido ao aumento de solo orgânico cultivável.
Consumidores, questionados em mercados biológicos, admitem que os produtos cultivados sem recurso a pesticidas são mais caros, mas a diferença de preços é compensada pela qualidade acrescida dos alimentos.
João Feliz, consumidor destes produtos há mais de cinco anos, considera que “há tendência para que os produtos biológicos sejam cada vez mais baratos”, remetendo para os governos a responsabilidade de apoiar a agricultura biológica “pelas várias vantagens que tem”.
Entre 2001 e 2007, o cultivo dos produtos biológicos vegetais em Portugal aumentou cerca de 70 %, de acordo com os últimos dados divulgados pelo Gabinete de Planeamento e Política do Ministério da Agricultura.
Fonte: Confagri.

Entendo que seja extremamente positivo que o aumento do consumo de hortícolas e fruta de origem biológica seja importante para a melhoria da qualidade da alimentação em Portugal. Por isso, gostaria de deixar aqui algumas recomendações que deverão seguir para tirar o máximo partido destes alimentos e rentabilizar assim o vosso orçamento doméstico:


- Ao contrário do que a maioria das pessoas pensam, os produtos biológicos não devem ser comprados nos hipermercados, pois são muito caros e de frescura duvidosa, trazendo uma má reputação ao consumidor. Além disso, por vezes são importados e mal etiquetados resultado em confusão para quem procura uma informação mais detalhada. Excepção existe quando promovem Feirinhas com produtos nacionais, muito frescos;


Aos poucos o mercado vai conseguindo exigir a todos os agricultores estes produtos que asseguram, sobretudo, a sustentabilidade do planeta!


- Outra situação pertinente: pequenos agricultores não significa que sejam agricultores de modo biológico. Antes pelo contrário. Infelizmente, e por negligência total, por vezes, administram mal os pesticidas e não respeitam o intervalo de segurança que a lei exige. Por isso, na hora de comprar certifique-se que encontra o selo verde!
- Importante também considerar que deve sempre preferir o mais fresco: seja biológico ou de produção convencional. Para isso, não armazene muitas quantidades em casa, pois ao longo dos dias, frutas e legumes perdem propriedades nutricionais...fora ou dentro do frigorífico.


O fundamental é que garanta a rotatividade destes alimentos na alimentação de toda a família, miúdos e graúdos.

Se tem dúvidas da melhor forma de o fazer, ou mesmo sobre a compra dos produtos biológicos, deixe-nos o seu comentário. A sua experiência enriquecerá o Portal BabySol!


Dra. Solange Burri
Consultora em Alimentação



Leia também estes artigos:


Receba as actualizações do Portal BabySOL® no seu email. Subscreva agora a Newsletter BabySOL®.

Email

Sigam BabySOL® nas Redes Sociais:



2 comentários:

  1. Fiquei muito interessada nos produtos biologicos. Se Solange nao aconselha a comprar em hipermercados entao onde deverão ser comprados?

    ResponderEliminar
  2. Olá
    Obrigada pelo seu comentário!
    De facto, eu sou da opinião que os hortícolas de produção biológica são difamados nas prateleiras dos hipermercados...são caros, menor qualidade, importados e por vezes mal rotulados.
    Assim, só deve comprar nos hipermercados se verificar a existência de feirinhas com estes produtos bem frescos.
    Em alternativa, procure na sua área de residência, agricultores que façam este tipo de produção...e abasteça-se todas as semanas com os produtos mais frescos que são também os mais baratos!
    Espero ter ajudado.
    Bjs e fique por perto!
    Solange

    ResponderEliminar

Comente este Blog.
A sua participação irá enriquecê-lo e promover novos conteúdos. Obrigada e...fique por perto!