Tem dúvidas de como deve organizar a alimentação em casa?
Este é um espaço virtual focado na qualidade alimentar que a família deve praticar em casa, nas compras, na creche, na escola, no trabalho.
Aqui encontrará excelentes conselhos de Nutrição e também de Segurança Alimentar a seguir pelo consumidor para si e sobretudo para as suas crianças!

segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Salsichas de Legumes para Crianças

Hoje o artigo que vos trago é, orgulhosamente, uma parte de mim.
Em breve vou defender a minha Tese de Mestrado e decidi que, sendo o acontecimento de carácter público, irei convidar neste espaço todas as pessoas a assistir.
A data da defesa, prevista para Setembro, ainda não foi confirmada pela Universidade, razão pela qual poderei correr o risco de não avisar atempadamente como gostaria que mo fizessem a mim também :-))
O artigo de hoje pretende pois apresentar uma breve descrição do trabalho experimental que desenvolvi e, desse modo, contribuir para a tomada de decisão de quem poder vir e para compensar também quem não poder aparecer.
A "Concepção de umas salsichas 100% vegetais, de carácter funcional" foi uma experiência que vivi intensamente em 2008 quando, o Instituto para o qual eu trabalhei me lançou o desafio de conceber um produto alimentar com algas na sua composição...
Na verdade, o carácter funcional destas salsichas que desenvolvi traduzem-se pela incorporação muito discreta de uma alga permitindo veicular iodo que se sabe hoje, representa um micronutriente com níveis deficitários na população mundial, sobretudo nos Países desenvolvidos.
Os objectivos, na concretização deste produto, foram os seguintes:
- Concepção de um produto alimentar 100% vegetal que permita aumentar a oferta de alimentos para crianças com alergias à PLV e lactose;
- Aumento da oferta de opções alimentares saudáveis que permitam aos pais desviar da dieta dos filhos alimentos nutricionalmente mais pobres. Razão pela qual a análise de mercado curiosamente evidenciou a preferência pela forma "salsicha", permitindo assim convencer as crianças e oferecer-lhes "fast-food" saudável;
- Diminuir o consumo de proteína animal, desenvolvendo a palatibilidade para os alimentos à base de proteína vegetal;
- Insistir na necessidade que os pais devem interiorizar para oferecer continuamente aos filhos, e de várias formas apelativas, alimentos com legumes. O produto final obtido resulta pois numa variedade tricolor, de salsichas cocktail, de 3 sabores distintos: salsichas de cenoura, salsichas de tomate e salsichas de beterraba as quais pretendem não só alcançar a comunidade vegetariana mas também o público em geral e até pacientes sujeitos a radioterapia cujos efeitos colaterais atingem desfavoravelmente a tiróide;
- A sensibilização para a utilização de novos recursos alimentares, incluindo algas na dieta alimentar e não sujeitando apenas o consumo ocidental à incorporação dos seus extractos gelificantes actualmente apenas utilizados como aditivos (E-401 a E-404, E-406) em sobremesas, pudins, gelatinas, fiambres, etc. como a maioria das pessoas desconhece;
- Utilização de novos e interessantes recursos alimentares, que respeitem o ambiente e favoreçam a actividade económica em Portugal, recorrendo não só aos recursos marinhos que o Oceano Atlântico nos oferece mas também favorecer a agricultura biológica no nosso País.
Esperando assim ter suscitado alguma curiosidade neste trabalho que tive o privilégio de apresentar num congresso internacional, comprometo-me a, muito brevemente, relatar mais dados deste estudo...
A avaliação de mercado ofereceu resultados muito interessantes e o controlo de qualidade da alga incorporada evidenciou também uma pertinente discussão, sobretudo porque falta legislação comunitária a este nível! Como costumo dizer: fiquem por perto!


Dra. Solange Burri
Consultora em Alimentação

Leia também:



Sigam BabySol® nas Redes Sociais:



Email

Receba as actualizações do Portal BabySOL®:

Introduza o seu email:




BannerFans.com

6 comentários:

  1. Olá
    Descobri este blog recentemente e fiquei fã!
    Muitos parabéns!
    Sou vegetariana há já 5 anos, não como nenhuma carne nem peixe, mas como ovos, leite e derivados!
    Os meus filhos comem muitos pratos vegetarianos e já preferem muitos deles á carne e peixe!
    As salsichas vegetarianas são uma excelênte ideia para substituitr as de carne, já há alguma no mercado mas normalmente não têm algas na sua composição!
    Parabéns!
    Virei visita-los mais vezes!

    ResponderEliminar
  2. Bom dia :) Já sou seguidora deste blog tem alguns meses , o qual adoro!!!
    Li este post das salsichas de legumes e fiquei cheia de vontade de experimentar :)
    Para quando as temos no mercado? Vou experimentar concerteza e dar à minha "cria" também.
    Os maiores sucessos, beijinhos Carla.

    ResponderEliminar
  3. Olá Ana Sofia e Carla,
    Obrigada pelas vossas palavras de reconhecimento, fico contente pela V/ reacção...acreditem, o prazer é todo meu! Adoro o que faço!
    Para quando as salsichas? Não sei, para breve, quem sabe aparece-me um "investidor" na minha defesa...:-))
    Bjs e obrg pelos vossos comentários!
    Fiquem por perto!
    Solange

    ResponderEliminar
  4. Bom dia
    Acabei de descobrir este blog e fiquei muito curiosa!
    A minha menina não gosta muito de legumes mas adora salsichas. Acho que ela iria adorar estas de legumes!
    Ficamos a aguardar noticias! :)

    ResponderEliminar
  5. Bom dia, o meu nome é Virgínia Correia!
    Acabei de descobrir este blog, pelo "portal da criança", fico muito feliz por saber que existem cada vez mais pessoas empenhadas na defesa das questões alimentares, nomeadamente infantis.
    Sou mãe de uma linda princesa, hoje com 3 aninhos. A partir dos 12 meses de idade, começou a demonstrar diversas alterações a nível respiratório e principalmente a nível da pele. Pois a atopia era demasiado elevada e desgastante para a criança, e para nós pais.
    Até que alguém, a quem estou muito agradecida, colocou a Dr.ª Ana Moreira no meu caminho, e felizmente em poucos meses a minha filha ficou completamente "limpa".
    Pois é, a minha boneca, tem diversas intolerâncias alimentares, por isso a alimentação dela é muito regrada e cuidada. Já agora aproveito para, mais uma vez, agradecer o papel fundamental do infantário, pois sem a total colaboração de toda a equipa, jamais seria possível obter o sucesso que a minha filha teve no tratamento.
    É verdade, que tenho imensa dificuldade em diversificar a alimentação da minha filha, mas felizmente com a ajuda da médica que a está a seguir, e com um espaço que há cerca de um ano descobri (Naturocoop), lá tenho conseguido.
    Mas, folgo em saber que num clique posso aceder às mais diversas informações e interessantes sugestões de alimentação, nomeadamente 100% vegetais e biológicas. Irei com certeza tornar-me assídua das sugestões da Dr.ª Solange. Fico contente pelo excelente trabalho que tem desenvolvido e demonstrado, mais contente fico, por saber que estamos tão perto geograficamente.
    Obrigado pelas dicas que transmite para todos a quem a querem "seguir".
    Continuação de um excelente trabalho, e muitas felicidades.
    Vou ficar por perto!
    Obrigada
    Um abraço

    ResponderEliminar
  6. Onde achgo salsichas assim??
    No aguardo.
    Att. Guilber Luiz Wstuba
    www.greendog.com.br

    ResponderEliminar

Comente este Blog.
A sua participação irá enriquecê-lo e promover novos conteúdos. Obrigada e...fique por perto!