Tem dúvidas de como deve organizar a alimentação em casa?
Este é um espaço virtual focado na qualidade alimentar que a família deve praticar em casa, nas compras, na creche, na escola, no trabalho.
Aqui encontrará excelentes conselhos de Nutrição e também de Segurança Alimentar a seguir pelo consumidor para si e sobretudo para as suas crianças!

sábado, 5 de dezembro de 2009

Descongelar o pão...como?


O que lhe gostava de perguntar, é qual a melhor forma / maneira de descongelar pão. Tomamos sempre o pequeno almoço em casa, e nem sempre tenho oportunidade de ir comprar pão fresco. O que faço é comprar, e depois congelo. Costumo tirar à noite. A minha questão, devo deixar no frigorifico ou fora? E depois em saco plástico ou saco de pano? Perde-se os beneficios do pão, assim? Gostava realmente de ouvir a sua opinião, para ter um pequeno almoço mais saudável e saboroso! (Susana)

Obrigada pela pertinente questão...vamos lá ver se eu consigo ajudar neste domínio...

O pão representa uma excelente forma de ingerir cereais, sendo que quanto mais refinados forem menor o seu valor nutricional. É muito fácil de avaliar a qualidade nutricional do pão, quanto mais branco for mais refinadas são as farinhas incorporadas na sua preparação e quanto mais escuro for, mais interesse existe no seu consumo. É curioso constatar que até no pão encontrámos vitaminas (essencialmente do grupo B) e sais minerais (ex. zinco, fósforo) razão pela qual devemos ter o cuidado de introduzir diariamente este alimento, sobretudo ao pequeno-almoço, onde as necessidades energéticas são maiores e ... devem ser respondidas!

Relativamente à sua questão, informo o seguinte:

1 - O pão não perde valor nutricional durante o tempo que está armazenado no congelador;

2 - O risco microbiológico que veicula é muito baixo ou nulo, essencialmente se for bem cozido. Caso contrário pode, se apresentar alguma humidade (mal cozido) promover o crescimento de bolores mas sem grandes riscos alimentares até porque é logo visível. Nesse sentido, não vejo qualquer impedimento para descongelar à temperatura ambiente, de véspera, em saco de pano, onde o excesso de humidade pode mais facilmente ser absorvido.

3 - Por outro lado, pode igualmente, ser descongelado directamente no microondas desde que envolvido em papel absorvente e aquecido durante breves segundos. Este passo requer alguma perícia pois tempo em excesso pode tornar o pão esponjoso, o ideal é pois escolher um programa mais fraco de aquecimento e ir controlando algumas vezes. O sucesso desta etapa depende também da variedade do pão em causa. Em alternativa, pode também e a conselho de uma mamã que nos deixou a sua sugestão, "descongelar o pão no microondas, na função descongelação, se colocar um copo com água enquanto o pão descongela. Deste modo não ficará seco, mas fica como se tivesse sido acabado de comprar. Em vez de utilizar o aquecimento deve-se utilizar a função de descongelação. Experimente... "

Chamo ainda a atenção para a importância de saber oferecer este alimento às crianças:
- Preferencialmente de mistura ou de centeio. Farinhas escuras, total ou parcialmente integrais, não são adequadas para elas, o ácido fítico que 0s cereais possuem naturalmente compromete a absorção de cálcio se o pão for ingerido com leite, por exemplo, na mesma refeição. Nas crianças mais pequenas, com idade inferior a um ano, pode causar dificuldades na digestão;
- O pão deve estar bem cozido, caso contrário pode provocar obstipação e/ou gases, nos miúdos e... nos graúdos também;

- Cuidado com os elevados teores de sal, lamentavelmente ainda muito altos neste tipo de alimento.

- Saliento ainda a importância de saberem escolher o pão, de origem industrial, por vezes demasiado rico em sal, açucar e até gordura trans.
- Importante também referir que o pão deve mesmo ser ingerido pela sua riqueza em hidratos de carbono, e fibra, mas que um recheio mais calórico arruína por completa o seu benéfico efeito. Nada de queijos gordos, enchidos, pastas de chocolate ... combinado?
E parabéns por promover o pequeno-almoço em casa, muito importante!


Dra. Solange Burri
Consultora em Alimentação


Leia também:
Pequeno-almoço para as crianças
Que cereais dar à criança?

Receba as actualizações do Portal BabySol® no seu email. Subscreva agora o Feed BabySol®.

Email

Siga BabySol® nas Redes Sociais:




7 comentários:

  1. Olá Sol!
    Tenho uma dúvida quanto aos sucos e vitaminas de frutas frescas.
    Se minha filha (1ano e 3 meses)não quiser na hora,posso guardar refrigerado? Vou perder as vitaminas contidas nos sucos?
    Os sucos de caixas longa-vida, são adequadamente saudáveis para bebês nessa idade?
    Obrigada.

    ResponderEliminar
  2. Olá Juliana

    Quando prepara sumos naturais de fruta, em casa, deve dar logo à filhota e, de preferência, diluídos num pouco de água para não estimular o gosto pelo sabor doce.Se a bebé não quer mais, melhor não guardar. Sugiro que a mamã beba,ou outra pessoa, para alcançar o seu maior efeito nutricional e reduzir também, riscos microbiológicos.
    Os sumos, embalados em tetra-pack, são no geral preparados a partir de SUMO CONCENTRADO e portanto com reduzido teor vitamínico. Em alternativa, sugiro que compre sumos engarrafados, de manter no frio. Deve encontrar na zona das bebidas refrigeradas.
    Espero ter ajudado.
    Bjs e fique por perto!
    Solange

    ResponderEliminar
  3. Bom dia! Estou grávida do meu segundo filho e a precisar de actualizações quanto à sua alimentação! Descobri o seu blog por acaso e sigo-o atentamente, mas, desde já, parabéns!
    Resolvi escrever porque, tal como a mãe que colocou a questão do pão, também o congelo e descongelo no microondas, mas tenho uma "táctica": depois do microondas, regulo a torradeira no mínimo, coloco o pão em cima (apenas pousado) e vou deixando "torrar" de todos os lados. No fim, parece acabado de sair do forno: quente por dentro e estaladiço por fora. O meu filho adora! Um abraço, C.

    ResponderEliminar
  4. Olá!
    Tenho uma dúvida em relaçao a congelar alimentos.
    Gostaria de saber porque é que o feijão, se congelado, não ganha "bicho" (isto para o caso de feijão caseiro, claro).

    Sofia

    ResponderEliminar
  5. Olá Sofia :-)
    Obrigada pelo comentário e dúvida engraçada...de facto nunca ouvi/li nada semelhante...
    Vamos tentar explorar isto...
    - A sua dúvida refere-se a feijão crú...congela feijão crú, mas seco?
    Aguardo resposta.
    Até já,
    Solange

    ResponderEliminar
  6. Olá!
    O meu filho tem 6 anos e como é muito preso dos intestinos a pediatra aconselhou substituir a farinha normal por farinha integral na sua alimentação por ser mais rico em fibra. Tenho feito tudo com esta farinha, molho bechámel, bolos, pão, etc. depois da Solange ter dito que não é aconselhável para as crianças fiquei sem saber se estou a agir correctamente.
    Bjs

    ResponderEliminar
  7. Ola' Lisa,
    De facto as farinhas integrais podem ser de dificil digestao e diminuir absorcao do calcio, factos mais criticos nas idades mais precoces, o que aos 6 anos nao sera tao critico.
    Acho, contudo, que valia a pena averiguar o que pode estar na origem desta obstipacao, nomeadamente consumo de alimentos produzidos com farinhas muito refinadas, alimentacao com excesso de acucar e reduzido consumo de fruta crua e legumes...
    Insista na sopa, antes da comida e na fruta sempre no final...
    Espero ter ajudado.
    bjs e fique por perto,
    Solange Burri

    ResponderEliminar

Comente este Blog.
A sua participação irá enriquecê-lo e promover novos conteúdos. Obrigada e...fique por perto!