Tem dúvidas de como deve organizar a alimentação em casa?
Este é um espaço virtual focado na qualidade alimentar que a família deve praticar em casa, nas compras, na creche, na escola, no trabalho.
Aqui encontrará excelentes conselhos de Nutrição e também de Segurança Alimentar a seguir pelo consumidor para si e sobretudo para as suas crianças!

segunda-feira, 7 de setembro de 2009

PRODUTO A ABATER: Pão de Forma Branco Industrial!


Vocês desculpem...!
Eu aguento tudo! Aguento noitadas, aguento madrugadas, aguento birras de Bebés, aguento nervosos Administradores de fóruns, aguento problemas informáticos e aguento mamãs baralhadas...Mas o que eu não aguento (MAIS!!!!!!!!!!!!!!!!!!) é a má vontade de alguns industriais que põem o consumidor às avessas com produtos novos, atractivos e ... pouco saudáveis! Por isso, eu vou manifestar-me e dizer-vos quais os produtos que NÃO DEVEM nunca comprar...por isso corro um grande risco!!!!! SER PRESA...

Conto com vocês...se em 3 dias não der notícias, procurem-me... Fui presa! Qualquer semelhança com a realidade não é pura coincidência!

Já chega! Chega de pequenos-almoços empobrecidos!
Considerando que o pequeno-almoço é a refeição do dia mais importante para toda a família e sabendo-se também que se aproxima, de novo, a altura de preparar as lancheiras para os miúdos levarem para a escola, entendo hoje por bem alertar para mais um mal colocado à nossa disposição nas prateleiras dos supermercados, no seguimento daqueles já contestados:

Vou presa - o começo da vingança!
Vou presa! - O 1º produto a abater: alho em pó!
Vou presa! - O 2º produto a abater: o iogurte que não precisa de frio!


Assim, gostaria de dizer-vos que o próximo produto a abater, o 9º produto a abater, é de largo CONSUMO INFANTIL, e corresponde a todas as variedades de ...

...PÃO DE FORMA BRANCO INDUSTRIAL! !

Ainda que seja uma opção residualmente mais saudável que a vulgar doçaria produzida industrialmente, como os terríveis Boly..., a verdade é que os atractivos pães de forma, extremamente fofos e brancos como a cal, não representam nada a melhor opção, quer a nível nutricional, quer a nível económico...

Tendo em conta que o pão se trata de um alimento extremamente importante, pela riqueza em hidratos de carbono que DEVE possuir para compensar as elevadas necessidades energéticas que a 1ª refeição do dia exige, então porque resolveram os Srs. Industriais injectar este produto com ar, tornando-o estupidamente rico, sim em AR (!), e pobre em hidratos de carbono...? Pois, não sabia, pois não, mas a elevada fofura que estes produtos acarretam resulta de um processo industrial inócuo que faz a maravilha de vendar AR a preço de pão...boa? Para eles...pois claro!

Mas este até nem representa o aspecto mais crítico, ora analisemos um destes rótulos...reparem na pobreza TOTAL destes produtos em fibra, provocado não só pela supostamente atractiva remoção da côdea mas pior do que isso, pela incorporação de farinhas altamente refinadas e sem qualquer interesse nutricional. Experimente comer uma sandwich feita com pão de forma branco e diga-me, mamã, quanto tempo depois volta a ter fome? Concerteza em menos de 2 horas, pois tratando-se de farinhas (e AR!) que não saciam o organismo, pois são de rápida absorção, o que pensar agora das crianças com uma elevada taxa de crescimento e constante movimento?

Atrevo-me a afirmar que este produto é, não só totalmente desinteressante e caro!, quando comparado com o pão de forma à venda nas padarias, mas também induz, indirectamente, a criança a procurar mais alimento, esperemos que saudável (!!?), cerca de 1 hora mais tarde, sobrecarregando o organismo com uma nova digestão, compromentendo o apetite para a próxima refeição principal e esperando-se que não recorra, de novo, aos alimentos açucarados, fáceis e super acessíveis como bolachas, bolos e outras guloseimas...Sim, porque gorduras trans, açucar e sódio (sal) também não faltam nestes pães de forma...era preciso mesmo a comparação com um rótulo do pão convencional o que, inexplicadamente, não existe no nosso País...sorte deles!

Por isso, caras mamãs, na qualidade que possuímos de assegurar uma alimentação saudável a toda a família pela responsabilidade das compras domésticas que nos foram atribuídas, saibam que este produto é para riscar da próxima lista de compras. Comprem moletes, comprem broa, comprem até pão de forma e peçam para o cortar...mas comprem! O pão é importante na nossa alimentação e pode, de facto, ser também um alimento bem saboroso face à rica padaria que Portugal possui.

Agora pão de forma industrial, BRANCO, nunca mais! Se não tem tempo, ou disponibilidade, para adquirir o pão e o congelar, então prefira a variedade integral feita também a partir de farinhas refinadas mas com uma pequena parcela de farelo para que, não perca a sua leveza e ofereça alguma fibra...ainda que a possibilidade de saciar seja igualmente baixa...por isso, em vez de mandar 2 fatias, mande uma dose extra de fruta...

Se desaparecer, em 3 dias, é porque fui PRESA! Mas, de uma coisa vos garanto: crianças em idade escolar, com sandocas deste pão branco, nunca mais!

Dra. Solange Burri
Consultora em Alimentação

E agora eu pergunto: costuma analisar o rótulo destes produtos?

Leia também estes artigos:
Crianças com fome, insatisfeitas...o que se passa?


Siga BabySol® nas Redes Sociais:




Email

Receba as actualizações do Portal BabySOL®:


Introduza o seu email:


2 comentários:

  1. Eu tenho uma ideia façam o pão em casa sai mais barato e é bem mais saudável...
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Fico contente por não usar nenhum desses produtos a abater. Alguns nunca fizeram parte da minha alimentação e outros foram abatidos há muitos anos. Há quase dois anos comprei uma máquina de pão porque, apesar de comprar pão de padaria também não acho que tenha grande qualidade!

    ResponderEliminar

Comente este Blog.
A sua participação irá enriquecê-lo e promover novos conteúdos. Obrigada e...fique por perto!