Tem dúvidas de como deve organizar a alimentação em casa?
Este é um espaço virtual focado na qualidade alimentar que a família deve praticar em casa, nas compras, na creche, na escola, no trabalho.
Aqui encontrará excelentes conselhos de Nutrição e também de Segurança Alimentar a seguir pelo consumidor para si e sobretudo para as suas crianças!

sexta-feira, 4 de maio de 2012

Creme de Couve-Flor para todos!


Em qualquer idade da vida de uma pessoa, a sopa deve estar presente pelo seu papel saciante e, deste modo, possibilitar que a ingestão de outros alimentos nomeadamente os que são mais ricos em gordura, sejam consumidos em menor quantidade. Por esta razão, a sopa deve ser atrativa à criança e portanto respeitar 3 princípios: ser leve, saborosa e diferente… todos os dias!

Creme de Couve-Flor com arroz
(Idade recomendada: a partir dos 8 meses)

CREME (para 4 doses)
1 litro de água; 300 gr de batatas; 1 dente de alho; 30 gr de cenoura; 100 gr de nabo; 1 couve-flor pequena (~200 gr); 20 g de azeite.

ARROZ (para 6 doses)
1 medida de arroz; 2 medidas de água; 3 colheres (sopa) de azeite; 1 folha de louro; sal q.b.

Método Convencional
Neste caso, a sopa deve ser preparada separadamente da preparação do arroz.
Lave, prepare e corte os legumes em pedaços. Aproveite as folhas externas mais pequenas da couve-flor e reserve juntamente com alguns ramos separados da couve-flor.
Coloque a água a ferver. Junte os legumes, reservando as folhinhas e alguns raminhos de couve flor. Deixe cozer 30 minutos, em lume brando. Junte o azeite, passe e acrescente agora os legumes reservados. Deixe cozinhar cerca de 20 minutos.

Prepare o arroz à parte: numa forma de pirex, ou louça refratária coloque o arroz, a água, o azeite, o sal e a folha de louro. Mexa. Leve ao microondas, na potência máxima, durante 20 minutos. Quando estiver pronto, incorpore 5 colheres (de sopa) de arroz no creme de couve-flor preparado. Sirva morno.



Método MyCook

A ideia será preparar a sopa simultaneamente com o arroz, de modo a complementar e rentabilizar a preparação da refeição familiar. 
Lave, prepare e corte os legumes em pedaços. Aproveite as folhas externas mais pequenas da couve-flor e reserve juntamente com alguns ramos separados da couve-flor.
Coloque a água no jarro, introduza os legumes e tempere com sal*. Tape o jarro, colocando o tabuleiro de vapor.
Entretanto, prepare o arroz. Numa forma de alumínio redonda (diâmetro 15 cm) coloque o arroz, a água, o azeite, o sal e a folha de louro. Disponha esta forma no centro do tabuleiro de vapor. À volta, distribua a couve-flor reservada. Tape o cesto de vapor e programe 45 minutos, 120 ºC, na velocidade 3.
Passado este tempo, retire o tabuleiro de vapor. Tape o jarro com a tampa e, pelo orifício, deite o azeite. Tape o orifício, coloque o cesto de inox em posição invertida e triture o creme, carregando 2-3 vezes na função TURBO. Ajuste a textura adicionando um pouco mais de água. Carregue 2 segundos na função TURBO para homogeneizar.
Distribua as folhas cozidas da couve-flor e adicione 5 colheres (sopa) do arroz cozido.

Sirva o restante arroz na refeição principal ou reserve para outra ocasião, preservando frigorífico em recipiente fechado.

* O sal só deve fazer parte da dieta da criança, preferencialmente a partir dos 18 meses.

Vantagem nutricional:
A couve-flor apresenta um excelente teor de vitamina C o qual consegue preservar-se se não for demasiado cozida ou, melhor, cozida a vapor. Implicada na robustez do sistema imunitário, a vitamina C deve fazer parte diária da dieta de todos. Porque é rica em enxofre, pode causar flatulência e, por essa razão, não deve ser misturada com cebola ou alho francês, se a sopa se destina a crianças mais pequenas.

Dicas:
* De vez em quando adicione um pequeno dente de alho na sopa. Deste modo estará a incorporar um poderoso antibacteriano que aumenta as defesas do consumidor.
* Este creme, em dias especiais, fica excelente servido com pequenos cubos de pão frito.
* Prepare várias opções de sopa, ao longo da semana, e congele-as em doses individuais. Assim, quando não tiver tempo, terá sempre sopas prontas!



E você... que receitas gostaria de ver aqui abordadas? Deixe o seu comentário.


Consultora em Alimentação em Escolas e Infantários
(Mestrado na área da Nutrição Infantil)



Leia também:

Siga BabySol® nas Redes Sociais:
Email

Receba as actualizações do Portal BabySOL®:


Introduza o seu email:


Sem comentários:

Enviar um comentário

Comente este Blog.
A sua participação irá enriquecê-lo e promover novos conteúdos. Obrigada e...fique por perto!